miércoles, 7 de octubre de 2009

dicionario infantil




ADULTO - É uma pessoa que sabe tudo, mas quando não sabe diz logo: "veja na enciclopédia".

ALEGRIA - É um palhacinho no coração da gente.

AMAR - É pensar no outro, mesmo quando a gente nem tá pensando.

BOCA - É a garagem da língua.

BONITA - "Se eu sou bonita ou inteligente? Se eu sou bonita, você vê na cara. E se eu sou inteligente, nem respondo a uma pergunta boba dessas".

CABELO - É uma coisa que serve pra gente não ficar careca.

CALCANHAR - É o queixo do pé.

CHOCOLATE - É uma coisa que a gente nunca oferece aos amigos porque eles aceitam.

COBRA - É um bicho que só tem rabo.

CRIANÇA - Ser criança é não estragar a vida.


ESPERANÇA - É um pedaço da gente que sabe que vai dar certo.

FÉ - É uma menininha, na praia, esvaziando o mar com um baldezinho de plástico furado.

FUTEBOL - É um jogo em que, às vezes, a trave joga melhor que o goleiro. Pega tudo.

FUTURO - É tudo que vem depois e, quando chega, já era.

INFERNO - É um lugar onde a gente morre muito mais.

MENTIRA - (ouve-se o estraçalhar de um vidro no banheiro e o menino grita) - "É mentira do barulho!"

MISTÉRIO - É uma coisa que a gente não sabe explicar direito e, quando explica, já não é.

NAMORADO - É uma pessoa que tem medo do claro.

NEVOEIRO - É poeira do frio.


PACIÊNCIA - É uma coisa que mamãe perde sempre.

PIADA - É uma coisa engraçada que perde a graça quando a pessoa avisa que vai ser.

POLUIÇÃO - É sujeira do progresso.

REDE - É uma porção de buracos amarrados com barbante.

REFLEXO - É quando a água do lago se veste de árvores.

RELÂMPAGO - É um barulho rabiscando o céu.

SAUDADE - É quando uma pessoa que devia estar perto está longe.

SONO - É saudade de dormir.

SORTE - É a gente acordar, se preparar pra ir pra escola e descobrir que é feriado nacional.

STRIP-TEASE - É mulher tirando a roupa toda, na frente de todo mundo, sem ser pra tomar banho.

TRISTEZA - É uma criança com gesso no pé, sem assinatura.

VEIAS - São raízes que aparecem no pescoço das meninas que gritam.

VIDA - A vida de muita gente é só gol contra.

VIDA - A vida a gente não explica. Vive.

XINGAR - Quando eu xingo a minha avó, só xingo a metade que é do meu irmão.


Trecho do livro Dicionário do Humor Infantil, de Pedro Bloch,

2 comentarios:

Dani Garlet dijo...

Que lindo! QUE 'OUTRA VISÃO" DO MUNDO NÃO??
Bem bom ler.....reler... encontrar sentido.. reencontrar sentidos perdidos...

Beijos!!
Beijos!!!

mix_store dijo...

q legal, gosteiii..